Se em Star Wars a frase é “Que a força esteja com você”, na vida real poderia muito bem ser “Que o 7 esteja com você”. Afinal, esse número tem um poder gigantesco e está muito presente na história: 7 dias da semana, 7 pecados capitais, 7 sacramentos, 7 anos de vacas magras, 7 cores do arco-íris, 7 maravilhas do mundo, 7 anos de azar, e por aí vai. “O número 7 é um ou talvez o mais místico e esotérico que temos”, explica a astróloga e numeróloga Andreza Santoro.

Calma aí, calma aí. Antes de fazer mil especulações com o 7, deixa a gente explicar mais sobre isso. “Não tem nada a ver com sorte ou azar. Na verdade são os dois. O 7 é o caminho que você escolhe para conhecer o mundo”, avisou Andreza.

Mas a importância do número 7 não se limita ao campo da crença e do misticismo. O número também se manifesta na ordem do natural e do criativo. Você lembra de quantas cores é formado o arco-íris? Sim, 7! Não é à toa que o número é tão importante no campo das artes (que são 7, aliás: arquitetura, escultura, pintura, música, dança, poesia e cinema). A própria música depende do domínio das sete notas musicais.

blog_2

E que tal explorar ao máximo esse poder todo do número 7? A fórmula dada por Andreza é supersimples. Quando você estiver entre dois caminhos a percorrer, busque o que tiver mais a ver com suas individualidades.  “Só não esqueça que depois do 7 vem o 8, te abençoando por tudo que plantou ou te cobrando por todas as tuas falhas”, avisou. Todos por um #lado7 feliz?

Crédito das imagens: Shutterstock